• Marcas
  • Estilistas
  • Modelos
  • Personalidades
  • Celebridades
  • Últimas
  • Moda
    • Tendências
    • Street Style
    • Acessórios
    • Homens
  • Beleza
    • Cabelos
    • Maquiagem
    • Esmaltes
    • Bem-estar
    • Skin Care
  • Fresquinhas
    • Todos os tags
  • Fashion Weeks
    • Últimos desfiles
    • SPFW
    • Fashion Rio
    • Minas Trend
    • Dragão Fashion Brasil
    • Londres
    • Milão
    • Nova York
    • Paris
  • Perfumes
  • Estilo dos famosos
    • Duelos de moda

Quer mudar o visual? Aposte em 10 dicas imprescindíveis antes de enfrentar a tesoura

Publicada Segunda-feira 12 setembro 2011 , 09:10

Com tantas referências por aí, seja nas revistas, na televisão ou nas passarelas, todo mundo quer ter um estilo já consagrado. Mas mudar radicalmente o visual requer alguns cuidados para que o corte não se transforme em lamentação.

Muitas mulheres omitem e o profissional fica em uma saia justa, pois ao estudar os fios, ele pode perceber que o cabelo já foi danificado por técnicas anteriores. Jogue limpo e pergunte se há possibilidades dele fazer o que você quer

Já vi muitas mulheres decididas em fazer um corte, sem ao menos tentar entender se ele ficaria bom, se serviria para o seu tipo de cabelo e tudo mais. Por isso, como sou especialista em mudança de visual, acho extremamente necessário seguir algumas regrinhas básicas antes de sentar na cadeira do cabeleireiro. Afinal, caso você não aprove o resultado, vai precisar de pelo menos uns três meses para conseguir alguma outra nova mudança.

01. Escolha bem o seu cabeleireiro
Antes de tudo: você precisa confiar no profissional que irá mudar o seu visual. Caso você tenha gostado do corte de uma amiga, e queira usar o mesmo profissional, tudo bem. Mas vá lá e converse com ele para saber se há chances de dar certo o que você escolheu para o seu cabelo.

02. Quanto mais referência, melhor!
Se você tem em mente o que quer, ótimo. Às vezes, a pessoa quer mudar, mas não sabe ao certo o que desejar. Se puder, leve fotos de revistas ou até mesmo daquele corte de cabelo que a sua amiga fez. O cabeleireiro precisa ter uma ideia do que o espera para acertar no corte ou fazê-la entender que aquele tipo não combina com você.

03. Respeite o seu estilo
Se você é uma mulher conservadora, não pode seguir apenas um impulso e optar por um look totalmente despojado, repicado. Com certeza, depois de alguns dias, irá se arrepender. Outra: se você é amante de um corte prático, nada de escolher um visual refém de escova ou chapinha. Respeite sempre o seu estilo!

4. Mudança radical? Melhor ir aos poucos...
Você tem um cabelo comprido e quer deixá-lo a la Joãozinho? A ideia é deixar os fios retos totalmente assimétricos? Muita calma nessa hora. O conselho que dou é que você corte cerca de quatro dedos e se aprovar, siga em frente. Uma mudança extremamente radical pode ser traumatizante, caso você não tenha 100% de certeza.

05. Diga sempre a verdade
Explique ao profissional que tipo de técnicas e produtos você passa regularmente no cabelo para entender o seu dia a dia. Muitas mulheres omitem e o profissional fica em uma saia justa, pois ao estudar os fios, ele pode perceber que o cabelo já foi danificado por técnicas anteriores. Jogue limpo e pergunte se há possibilidades dele fazer o que você quer.

06. Acompanhe a evolução do seu cabelo
Essa é uma dica muito importante. Veja fotos antigas e dê uma boa olhada nas mudanças de visual ao longo dos anos. De repente você lembra de uma franja ou tom de cabelo que já teve e que voltou a estar moda. Assim, você já terá uma noção de como ficará.

07. Não desconte no cabeleireiro
Se você escolheu um corte e o profissional a aconselhou do contrário, não pense que ele não gostou de você ou recusa-se porque não sabe manusear a tesoura. Muitas vezes as mulheres trazem recortes de fotos de cabelos de alguma celebridade, mas que não tem a ver com o seu tipo de cabelo devido à mesma ondulação ou textura. Peça para ele ser sincero e confie no que lhe disser. Lembre-se: você precisa acreditar no seu cabeleireiro!

08. O corte ideial fica bom em 10 dias
Se você quer arrasar naquele casamento ou na festa do seu aniversário, então precisa se organizarO ideal é dar um tempo para se adaptar ao novo caimento do cabelo. Nada de cortá-lo no dia da festa. Afinal, você pode detestar o resultado e não vai mais querer sair. Normalmente, levamos de uma semana a dez dias para aprender a curtir o atual look.

09. Tenha certeza do que está fazendo
Muitas pessoas resolvem mudar radicalmente para dar um "up" em suas vidas, principalmente se passaram por algum momento difícil como término de relacionamento ou perda de emprego. Mas mudar no impulso não vai resolver os seus problemas. Se você tem certeza que a mudança a deixará mais disposta e feliz para encarar uma nova fase, muito bem. Mas se há dúvidas, espere passar um tempo e repense sua decisão.

10. Exija os seus direitos
Tire todas as suas dúvidas antes que o cabeleireiro encoste na tesoura. E se depois, você não gostar do que vê no espelho, bote a boca no mundo. Afinal, a nossa imagem é um cartão de visitas. E, se não sair do salão feliz, não valeu a pena o investimento. Converse com o profissional e entrem num acordo para salvar o corte até que se sinta satisfeita.

Veja também:
Confira as últimas notícias e lançamentos sobre cabelos
Veja últimos lançamentos de produtos de beleza

sobre o mesmo tema



Especiais de beleza e cabelos


Comente!

comments powered by Disqus