• Marcas
  • Estilistas
  • Modelos
  • Personalidades
  • Celebridades
  • Últimas
  • Moda
    • Tendências
    • Street Style
    • Acessórios
    • Homens
  • Beleza
    • Cabelos
    • Maquiagem
    • Esmaltes
    • Bem-estar
    • Skin Care
  • Fresquinhas
    • Todos os tags
  • Fashion Weeks
    • Últimos desfiles
    • SPFW
    • Fashion Rio
    • Minas Trend
    • Dragão Fashion Brasil
    • Londres
    • Milão
    • Nova York
    • Paris
  • Perfumes
  • Estilo dos famosos
    • Duelos de moda

Onça Pintada

Publicada Segunda-feira 13 junho 2011 , 15:06

Desde a Idade da Pedra que o ser humano adora se cobrir com a padronagem de animais exóticos. Felizmente, a Revolução Industrial da virada do século XX possibilitou estampas felinas pintadas em tecido, sem a necessidade de abater os animais em questão.

Como usar as estampas com tema animal

Para as que curtem estas estampas, este é o inverno da onça pintada em tudo e também da cobra, zebra, leopardo e similares impressas em todos os pesos e texturas de tecido e couro.

Blusas, casacos, lenços, calçados, bolsas e vestidos em tecidos com estampas de animais exóticos estão colorindo as vitrines do planeta fashion.

Ultra feminina a estampa com o motivo das peles animais já são um clássico na moda e se popularizaram massivamente a partir dos anos 80 depois de vestir o corpo dos punks ingleses que buscavam um visual agressivo.

A imagem de agressividade com um toque de erotismo nasceu no corpo da atriz e bailarina Josephine Baker que com passos felinos encantava o publico francês na década de 1920, vestindo apenas uma pele de onça sobre o corpo nu.

Nos anos Setenta Yves Saint Laurent se inspirou na África e colocou as estampas felinas em completo destaque. Atualmente a marca italiana Dolce & Gabanna usa estas estampas desde a primeira coleção com o mesmo sucesso.

Estampas animais são sexies e bem domadas permitem um toque de perigo em um visual seguro. Enviam uma mensagem de que quem usa não é uma perdedora e sim uma força a ser enfrentada. Mas todo o cuidado é pouco com as feras são chamativas e podem levar facilmente a vulgaridade, arranhando a elegância selvagemente.

 

Amiga da onça

Como usar as estampas com tema animal

  • O segredo é não exagerar na dose. Qualquer pessoa pode usar as estampas animais no corpo ou nos complementos sem entrar em extinção. Quem tem receio das estampas, pode usar em acessórios.
  • Para se dar bem, vale a mesma regra de outras padronagens: quanto maior, mais "engordante". Em proporções miúdas não ampliam e podem ser boa alternativa para enfeitar tops, camisas ou blazers, permitidos mesmo para quem está fora do peso ideal.
  • Nem pense em misturar diferentes estampas de animais no mesmo look.
  • Até pode rolar, mas exige um bom-senso quase profissional. Duas peças nesta estampa é o suficiente.
  • Um look básico coordenado com uma peça de animal seja no casaco ou no sapato, já causa e ganha modernidade.
  • Saias, calças, shorts, legging, bermudas e vestidos nestas estampas podem se transformar em curingas, mas vestem melhor quem está com o corpo em forma ou quadris até 46.
  • Combine as estampas animais com peças lisas e cores neutras. Tons como nude são perfeitos para combinar com esse tipo de estamparia e tornam o look menos arriscado. A cor lisa precisa combinar com a estampa de bicho. Com o preto funciona sempre. E com denim escuro, branco, ou até mesmo um toque de vermelho tomate ou azul turquesa.
  • Quem se acha muito acima do peso para vestir estampado, pode detalhar golas, punhos ou usar cintos, bolsas, sapatos ou outros acessórios com estampas inspiradas no reino animal.
  • Evite usar estampas animais sobre quadris ou busto volumosos. Estas padronagens são "amigas da onça", pois aumenta os volumes do corpo.
  • Prefira estas estampas em tecidos leves e com bom movimento.
  • O look "bicho total" é perigoso. Veste só quem é magra e longilínea (vestidos, conjuntos, macacão), ou exótica, e com acessórios lisos.
  • Ao usar estas estampas prefira meias cor da pele ou pernas nuas. · Se o instinto não é tão selvagem assim, aproveite acessórios nestas estampas. Nunca caem de moda e trazem humor a roupas mais sérias.
  • Um sapato, uma bolsa, uma t-shirt, uma echarpe, bijuteria ou estola animal atualiza sempre. Mas evite usar tudo junto.
  • No trabalho cautela com os animais. Use no máximo top ou camisa sobre um terninho. Sinal verde para os acessórios.
  • Calça ou shorts nesta padronagem só em mulheres magras.
  • Os cintos com estampas animais ficam melhores com calças de tons mais escuros – pode ser o jeans escuro, a calça preta, os tons militares (musgo e káqui) ou até mesmo uma calça vermelho tomate, grande aposta do inverno. Também veste bem por cima das camisas básicas usadas para fora da calça, do short ou da saia.
  • Bolsas em estampa animal são fáceis de combinar com looks mais neutros, pois já são coloridas com a cor original dos animais pintados.
  • Jamais misture zebra e onça para não parecer um jardim zoológico de felinos. Tente combinar roupas e acessórios com a mesma estampa.
  • Sapatos com estampa de animal direcionam os olhares para os seus pés. Excelente truque para quem quer disfarçar o corpo.
  • Evite saias curtas, roupas reveladoras, hotpants (shortinho), calças apertadas, ou top decotado em animal print. Vai vulgarizar o visual.

sobre o mesmo tema


Comente!

comments powered by Disqus